Seja benvindo, ao sair, não me esqueça, volte sempre.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Um Momento Divino








14/4/ 2016

Autor: Élys Vianna



Um pássaro canta em seu ninho,
folhas rolam pelo chão,
uma brisa afaga o meu rosto...



O céu está muito azul,
O Sol brilha com todo o seu esplendor
Garças brancas parecem desfilar.



O meu coração, feliz, se enternece.



Agradeço a Deus em doce e suave prece.





segunda-feira, 18 de abril de 2016

Mensagem nº 104





Use o tesouro do tempo com sabedoria, convertendo a dádiva das horas
em seu crescimento intelectual e moral.

Toda hora empregada no bem é um depósito de luz em seu patrimônio
espiritual.

O minuto desperdiçado é perda inestimável.

Valorize os instantes abençoados da sua existência, colocando-se a serviço 
do amor onde estiver.


Autor: Cezar Braga Said
Livro: Deus Contigo
Edição: CELD
E-mail: editora@celd.org.br
Site: www.celd.org.br





segunda-feira, 11 de abril de 2016

PAZ


Imagem: http://www.1freewallpapers.com/doves-peace/pt




Falar de Paz!
Buscar a Paz!
Sentir a Paz!

Dificil? Nada disso.

Faça as pazes
com a vontade e a razão.
Comparando o dia a dia,
valorize as horas felizes,
verifique o verdadeiro "valor" do bem, que,
por coincidência,
está nos momentos de alegria  e de amor,
distribuído no pretérito.

Agir na Paz!
Pacificando os dias futuros,
resolvendo e não adiando
nossas questões delicadas.
Sorrir e servir...
Cantar e cantar,
 a felicidade do amigo, 
a beleza do dia
ou da cidade,
a doação ao próximo,
a vitória moral,
fruto do aprimoramento.
Enfim viver 
com amor,
com objetivos nobres,
feliz, pela forte razão
de viver em favor da Paz.



Autor espiritual: Noel Rosa
Psicografia: Geralcino Gomes
Livro: Cordas, Cores e Noel
Editora: Lorenz


segunda-feira, 4 de abril de 2016

A Paz fará da Terra um Paraíso


Imagem: Solo Sagrado de Guarapiranga


20/6/2002

Autor: Élys Vianna


Um dia verei a Terra,
como um lindo paraíso,
onde não existirão,
doenças, pobreza, conflitos.

Um dia verei,
toda a Humanidade se abraçando
formando uma corrente fraterna,
onde, cada elo, será um ponto de luz.

Um dia, não tenho dúvidas,
nos amaremos como irmãos,
trabalhando todos voltados
para uma única e grandiosa nação...

As fronteiras cairão.
O mundo será um só.
Tremulará a bandeira da paz,
 no coração de todos nós...

Certamente, isso vai acontecer,
pois, o homem, já cansado,
evitará, certamente,
o que lhe possa fazer sofrer.